A Obsessão



Todos os seres e objectos sofrem influências do Cosmo, os vegetais, os animais e o ser humano sofrem influências de toda a ordem, as influências mais conhecidas entre nós são as influências da lua sobre as marés, e no homem sobre o crescimento do cabelo no quarto crescente e a diminuição no quarto minguante.


As plantas também sofrem influências da lua tendo uma data com determinante para o seu plantio e reprodução. Existe a obsessão tanto de desencarnados para encarnados, como de encarnados para desencarnados como por exemplo as pessoas que rezam a pedir ajuda àqueles que desencarnaram.


Isto vai prejudicar o desencarnado pois vai mantê-lo preso à matéria. A alma é a centelha divina que liga Deus ao coração.(brevemente novo tema) O espírito tem 7 corpos e uma alma.(brevemente novo tema) A obsessão é uma influência negativa externa de ordem espiritual que se manifesta principalmente em locais de baixa vibração, em geral locais com muito fumo, bebida e barulho.


O espírito obsessor começa a aproximar-se tentando penetrar o campo magnético da pessoa. A obsessão dá-se em primeiro lugar através do corpo mental inferior positivo (leia brevemente o tema Corpo Mental), nomeadamente nos momentos em que a pessoa está virada para si mesma, para o seu ego. Neste momento o espírito obsessor sintoniza-se com a forma de pensar e com os desejos da pessoa, ou seja, sintoniza-se com o seu ego.


Depois de conhecer os desejos da pessoa e se estes coincidirem com os seus próprios interesses, o obsessor vai actuar sobre a pessoa de forma a intensificar esses desejos mesmo que sejam prejudiciais para a pessoa e que a afastem da linha evolutiva para Deus, desta forma não é detectado.


Nesta fase, a acção do espírito obsessor encontra-se já não ao nível do corpo mental inferior positivo (conhecimento do ego da pessoa) mas sim do corpo mental inferior negativo (agressão do corpo da pessoa).


São vários os interesses do obsessor mas os principais são 4:


Por despeito ou demanda (divergência) do passado;


Por gostar da vibração da pessoa;


Porque o obsessor quer possuir um corpo para sentir os prazeres do mesmo (comida, fumo, bebida, sexo, etc…);


Para retirar ectoplasma do corpo físico para os seus próprios trabalhos espirituais de baixo astral causando desvitalização ou produzindo males no corpo físico.


O espírito na matéria é obsediado pelas seguintes razões:


Pelo livre arbítrio do obsessor


Pela deformação do corpo mental


A deformação do corpo mental ocorre devido ao mau comportamento e desequilíbrio da pessoa. A obsessão também está relacionada com estas causas indirectamente, mas as suas razões directas estão ligadas aos pensamentos e desejos da pessoa.


A obsessão funciona de forma alternada pois o obsessor não consegue estar 24 horas por dia junto ao obsediado. É por isso que algumas das formas de identificação de obsessão são a mudança repentina de comportamento (juntamente com os sintomas já descritos) e quando a pessoa argumenta em defesa dos seus próprios erros.


Os sensitivos, pessoas que trabalhem com energias etc, são alvos fáceis para estes espíritos, que são profissionais a fazer a pessoa pensar que o pensamento é dela. O mesmo acontece com certos médiuns, que incorporam espiritos que se dizem de Luz. Se ele dissesse a verdade, que é um espírito ignorante ( ignorante não tem a ver com formação académica), deixariam ele continuar a incorporar?


Quem é o inteligente, quem é?


Uma pessoa, um espirito encarnado, ao desencarnar não passou a ser menos ou mais inteligente do que era, ele continua com os conhecimentos que tinha, a inteligência está no tálamo e não no cérebro; por isso, há muitos espíritos desencarnados que em vida liam livros espiritas, estudavam teologias, médicos, advogados, etc. como os não vemos, julgamos que em vida todos eram pedreiros ou donas de casa e que não conhecem nada. sabe mais um espirito ignorante, do mais baixo astral que possa existir, do que um estudante ou guru sobre mística e energias... Ele está do lado de lá.


São eximios a lidar com o nosso ego, a nossa vaidade, etc, desde que a coisa nos envaideça ou encha a carteira, deixamos tudo pois não desconfiamos. Quando se diz estai alerta e vigiai, não é vigiar a porta ou janela, não é vigiar para fora; é sim vijiar para dentro.


A única forma de detectar isso é estando alerta a nós mesmos, aos nossos pensamentos, gestos, acções, desejos e vontades.


Os desejos são negativos as vontades são positivas.


Pensamentos inferiores:
Todo o pensamento que é menos nobre acerca dos outros ou da própria pessoa.


Vontades:
Vontade é a faculdade racional e equilibrada de querer, no seu aspecto positivo.


Desejos:


Desejo é uma aspiração igual à forma irracional de querer.
O desejo serve genericamente para prender as pessoas ao mundo físico excepto num único caso que é o desejo de evoluir para Deus.


Costumes:

São rituais conscientes ou inconscientes que são praticados pelas pessoas no sentido positivo ou negativo.


JC - Um aprendiz

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo