A Evolução e o Cosmo


O mundo está cheio de entendidos no Cosmo e Evolução, vamos ás livrarias e é o que se vê, vamos ás palestras onde esses senhores ganham rios de dinheiro por palestra e é o que se ouve.


Desisti há algum tempo de assistir á maioria das palestras com estes temas, pela simples razão que falam muito e não dizem nada, inventam-se novos nomes para as coisas, eliminam-se outros, sugerem-se uma trocas de nome, "antigamente era assim, mas agora é assado", "antes chamava-se isto, mas agora chama-se aquilo", bem...


Com papas e bolos se engana os tolos, e tolos é o que não falta por aí.


Muito se fala do Cosmico, sem se entender o filho que se tem em casa; a evolução existe desde sempre, ainda nós pequenos seres tinhamos um corpo fisico em forma de óvoide, cheio de esporos (época em que o planeta Saturno exercia influência sobre os seres que viviam no Cosmo).

hoje alguns desses esporos são os 49 chakras e não 7 como dizem), e já os seres da criação sabiam que iríamos criar karma, por isso, até esta fase evolutiva, os planos são de expiação.

O nosso sistema Solar, é o último plano de expiação, depois deste plano não mais existe karma. entramos nos planos evolutivos. Muitas são as pessoas que desencarnam nos dias de hoje, e não voltam a este plano por terem expiado o seu karma na forma dolorosa com que desencarnaram.

Entre estes dois planos, existe um intermédio, para desligamento deste e aprendizado ou abituação ao próximo. Assim, ainda num próximo plano, os seres que tiverem a condição vibratória e evolutiva para isso, reencarnarão num corpo físico ainda.

Os seres que ainda o não conseguem, reencarnarão no planeta que vier para o lugar da nossa Terra-Mãe. A evolução do ser, é feita através das vivências passadas, e do dia a dia de hoje, nós somos hoje a soma dos nossos passados.

Ninguém evolui mais como ser por ter uma formação académica ou por ler milhentos livros; o ser evolui de dentro para fora e não de fora para dentro, por isso, por muita informação, seja ela certa ou errada, que assimile, denada lhe vale nas contas cósmicas. Acho interessante que um amigo meu, estude a ligação cósmica ao dinheiro...
Dhaha...
O dinheiro é terreno, Material. era cosmica a energia, antes de ser feita a nota...

essa energia foi condensada. O dinheiro não tem ligação nenhuma ao cosmo.

Em relação ao dinheiro, o que tem ligação ao cosmo é apenas uma coisa: O que ele enquanto Ser, faz com o dinheiro; e o que fez para o ganhar, isso sim é cosmico.

Não esqueçam que o cosmo é aqui também, é o todo.
Olhemos á nossa volta agora mesmo, este portal de comunidade espiritual, o negócio que começa a estar montado, tenho uma comunidade cheia de publicidade do google ou do adsense, cada vez que alguém clica aí, os donos da Comunidade ganham dinheiro... Que tem isnto de espiritual? de ligação ao Cosmo? nada de nada...

Como o consegue, o que faz ou pensa para o conseguir, isso sim é cósmico e tem ligações. Não estou a criticar, a mim não me custa nada esta publicidade, usei como exemplo, pois os exemplos estão já aqui, em nós, á nossa volta e não nos outros ou mais além.

Admiro as pessoas sábias, que descem ao patamar do inculto, para assim poderem ser escutados e entendidos, mas isso não dá dinheiro.

Quando se fala de Cosmo ou Cósmico, fala-se de energias; são a mesma coisa, chamem o que quiserem. Nada temam irmãos, as Energias Cósmicas não são controladas nem controláveis pelo homem, não são um bem ao dispor de alguns; ninguem detém o poder das energias, isso não existe, não as guarda sequer, as Energias Cósmicas rodeiam-nos a todo o instante, são energias positivas e negativas pois o cosmo, como a natureza tem de tudo, um sem o outro anulavam-se; podemos isso sim usufruir delas consoante aquilo que somos, retê-las?

impensável, elas circulam, elas fluem... aproveitem-nas. Cada vez mais se vê teologias cosmicas e terapêuticas, a criarem adeptos enganados naquilo que são e como funcionam as ditas energias. Coitado daquele que pensar ser detentor do um dom ou conhecimento energético único e pessoal. O próprio nome Cósmico contraria e é contrário a essa ideia ou teologia.

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo